Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

domingo, 23 de novembro de 2014

Problemas com os Su-30MK2 venezuelanos


Recentemente, a Aviación Militar Bolivariana de Venezuela celebrou o oitavo aniversario da incorporação de 24 caças Sukhoi Su-30MK2 ao Grupo 13, que continua operando os 18 exemplares remanescentes.

Até o momento, o avião acumulou 6.275 horas de voo, e esse dado tem gerado críticas. 


Isso porque a média anual de tempo de voo por avião é próxima a 47 horas, bem abaixo da média mundial (cerca de 150 horas por ano). O maior problema seria a falta de peças de reposição, e segundo rumores isso é tão grave que os já antigos F-16A Block 15 são considerados o principal vetor de combate da força, apesar do embargo americano — ao que parece, a Venezuela tem recebido sobressalentes vindos de um país asiático, o que lhe possibilita manter um punhado desses aviões em condições de voo. 
Revista Segurança e Defesa
(Juan Carlos Cicalesi e Hernán Casciani)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]