Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Solidariedade ao povo haitiano


Na passagem do quinto aniversário do terremoto de 2010, que cobrou tantos milhares de vítimas fatais, inclusive dezoito brasileiros que se encontravam em Porto-Príncipe em missão humanitária, o Governo e o povo brasileiro se unem ao povo irmão do Haiti para reafirmar o seu sentimento de profundo pesar e de dedicada solidariedade na tarefa de reconstrução do país.



Na pessoa da Senhora Zilda Arns, cuja vida de exemplar dedicação aos mais humildes foi cobrada pelo terremoto de 2010, o Governo e o povo brasileiro prestam uma homenagem aos brasileiros falecidos naquela tragédia e a todos os brasileiros que há mais de uma década se têm engajado na ajuda solidária ao povo do Haiti.



Neste momento de recordação e de renovação, o Governo brasileiro exorta o povo do Haiti, através das suas instituições democráticas, a unir-se em torno do projeto de consolidação de um Haiti democrático e próspero. É essa união que permitirá a superação de tantos desafios que ainda se colocam para que o país possa garantir segurança e estabilidade para os seus cidadãos e um ambiente favorável para as atividades econômicas, os investimentos e a cooperação internacional que gerarão empregos, oportunidades e uma visão de futuro para todos os cidadãos haitianos.



O Governo brasileiro espera, assim, que no presente momento as lideranças políticas e a cidadania haitianas encontrem rapidamente a fórmula que, dentro das regras da democracia, com pleno respeito à Constituição e no marco das instituições arduamente construídas pelo povo haitiano nos últimos anos, permitam a rápida retomada dos esforços em benefício da Nação haitiana.



Na sua permanente solidariedade e no seu engajamento com a causa de um Haiti democrático e estável, o Governo brasileiro permanece à disposição para ajudar no que estiver ao seu alcance, de acordo com a vontade soberana do povo haitiano e em consulta com os demais países parceiros e irmãos que se encontram associados no mesmo objetivo. 

Ministério das Relações Exteriores

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]