Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

sábado, 28 de março de 2015

Helibras cria novo serviço exclusivo para Óleo & Gás


Fleet Center instalado no Rio de Janeiro oferece apoio técnico-operacional para os helicópteros da marca que operam nas plataformas de petróleo.

A Helibras criou uma nova estrutura para apoiar os operadores que realizam o transporte de profissionais e materiais para as plataformas de exploração de petróleo situadas ao longo da costa brasileira. Instalado no Rio de Janeiro, o Fleet Center conta com uma equipe multidisciplinar da Helibras e da Airbus Helicopters para realizar o suporte técnico desta frota, que opera um grande número de horas diárias e requer altíssima disponibilidade das aeronaves.

“Anteriormente, esse serviço era realizado apenas pela Airbus Helicopters”, diz o vice-presidente de Suporte e Serviços da Helibras, Flavio Pires.  “Estruturamos essa atividade e passamos a atuar em conjunto com a Airbus Helicopters no Brasil, a fim de incrementar o atendimento nas principais bases operacionais das empresas do setor no país”, explica.

Segundo o executivo, a Helibras está empenhada em apoiar os operadores do segmento de Óleo & Gás adicionalmente ao suporte que a Airbus Helicopters já proporciona: “O Fleet Center é a linha de frente da Helibras, que estará se mobilizando para melhorar ainda mais o atendimento que é oferecido no Brasil”, ressalta.

O vice-presidente da Helibras destaca que a equipe do Fleet Center terá dedicação exclusiva e poderá acionar todos os demais setores da empresa para prover agilidade na resolução das ocorrências de indisponibilidade de alguma aeronave desses operadores. De acordo com Pires, representantes técnicos de campo ficarão baseados nos setores de manutenção dos próprios operadores. “O conceito é que eles trabalhem junto com os departamentos técnicos e de manutenção de cada cliente, antecipando soluções, para manter um elevado índice de disponibilidade e de segurança operacional da frota”, diz.

O ‘headquarter’ do Fleet Center estará localizado no Rio de Janeiro. A equipe integrada por representantes técnicos e de logística atuará nas bases operacionais dos clientes, em Macaé, Farol de São Thomé, Cabo Frio e Jacarepaguá. Para gerenciar os serviços, a empresa selecionou Rogério Watanabe, um engenheiro aeronáutico com muita experiência no ramo da aviação de asas rotativas.

De acordo com o planejamento da Helibras, com a inauguração do Centro de Treinamento e Simuladores da empresa no Recreio dos Bandeirantes, previsto para este ano, o Fleet Center será deslocado para essas novas instalações. “Vamos inaugurar no segundo semestre o Centro de Treinamento e Simuladores, que contará com um Full Flight Simulator (FFS) para o modelo militar H225M (nova nomenclatura do EC725) e sua versão civil, o H225, que é amplamente utilizada em todo o mundo pelas operadoras do mercado offshore. A partir daí, o Centro estará apto a oferecer treinamentos nesses modelos e a receber a equipe do Fleet Center. E, à medida que os helicópteros dos clientes forem sendo posicionados em outras bases, lá também estará a equipe”, diz Pires.

Flavio Pires lembra que, para poder atuar de forma ainda mais estruturada e competitiva na área de Suporte e Serviços, a empresa qualificou suas oficinas para aeronaves pesadas e se preparou para atender a uma maior demanda por peças. “Fizemos tudo isso, inclusive com a obtenção do Linha Azul, regime especial da Receita Federal que reduz significativamente os prazos de importação de peças e materiais, além da implantação de um Depósito Especial (DE) dentro do nosso Centro de Suporte ao Cliente, que funciona como entreposto aduaneiro (bonded warehouse) para os clientes”, completa.

Inaugurado em 2013, o Centro de Suporte ao Cliente (CSC) da Helibras é a base de atendimento e excelência logística da empresa. Estrategicamente localizado entre os aeroportos de Guarulhos e Viracopos, em Atibaia, no interior de São Paulo, o CSC recebe e gerencia as solicitações de todos os clientes e operadores de helicópteros Helibras/Airbus Helicopters no país, relacionadas a reparos, fornecimento de peças, garantias e assistência técnica, sete dias na semana, das 7 às 22 horas.

“Essa ampla estrutura de serviços só pôde ser efetivada com a implementação de um programa de investimentos de cerca de R$ 66 milhões em inovação, peças e materiais, que está sendo realizado pela empresa desde 2012 para oferecer suporte às aeronaves que voam no país e garantir o melhor atendimento aos nossos clientes”, lembra Flavio Pires.

Helibras

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]