Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

sábado, 25 de abril de 2015

Saab assina com Brasil contrato de venda de armas para caça Gripen

Aeronave de combate Gripen só chegará ao Brasil a partir de 2019 (Foto: Tahiane Stochero/G1)

Contrato de US$ 245 mi foi divulgado pela construtora sueca nesta sexta. Aquisição prevê mísseis para ataque a alvos no ar e no solo, diz FAB.

Do G1, Em São Paulo

A construtora sueca Saab divulgou nesta sexta-feira (24) que assinou com o Ministério de Defesa do Brasil um contrato de venda de armas para o caça Gripen NG, adquirido pela Aeronáutica e que só começará a chegar ao país em 2019. O valor do contrato de armas é de aproximadamente US$ 245 milhões, segundo a Saab.

A Aeronáutica confirmou a assinatura do contrato, cujo extrato de dispensa de licitação foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira com o valor de US$ 245,325 milhões. Segundo a FAB, são mísseis de ataque a alvos no ar e no solo previstos em um pacote inicial de armamentos e de suporte logístico integrado para a nova aeronave do país.

Em outubro de 2014, o grupo sueco finalizou o contrato de venda de 36 caças Gripen de nova geração com o governo brasileiro no valor de 39,3 bilhões de coroas suecas: serão 28 unidades do Gripen NG de apenas um assento e mais 8 de duas posições, para treinamento.

Tanto a Aeronáutica quanto a Saab não divulgaram quando o contrato de aquisição de armas foi assinado e nem quais foram os mísseis adquiridos. Segundo a Aeronáutica, isso ocorre por questões estratégicas militares.

Em comunicado oficial, a Saab diz que a efetividade do contrato de aquisição de armas ocorrerá mediante certas condições, que incluem autorizações relativas ao controle de exportação do armamento sueco e que devem ser finalizadas no segundo semestre de 2015.

Em 9 de abril, o G1 divulgou que o Ministério Público Federal abriu um inquérito civil para apurar suspeitas de irregularidades na compra das aeronaves devido à alta no valor em relação ao previsto na proposta inicial apresentada pela fabricante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]