Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

quinta-feira, 16 de abril de 2015

TUMOSAN produzirá o motor do futuro carro de combate Turco


O fabricante Turco de motores a Diesel e tratores agrícolas Türk Motor Sanayi ve Ticaret (TUMOSAN) já trabalha no desenvolvimento do grupo motopropulsor para o futuro carro de combate do Comando das Forças Terrestres Turcas. A empresa estabelecida em 1976 e propriedade do conglomerado Turco Albayrak Grubu, foi contratada em Março pela agência de aquisições SSM (Savunma Sanayii Mustesarligi) do Ministério Turco da Defesa por um montante de 190 milhões de euros para realizar o projeto.

O contrato atribuído após decisão em Agosto de 2014 em sede reunião do Comitê Executivo da Indústria Militar (SSIK) compreende o desenho, desenvolvimento, produção do protótipo, testes e qualificação nos próximos 54 meses de um motor a Diesel com 1500 cavalos de potência para o carro de combate. À TUMOSAN foi também incumbida a tarefa de desenhar e desenvolver uma transmissão automática e a produção de partes criticas para o motor. A realização do primeiro protótipo do motor deverá estar concluída em 2020.

A Turquia iniciou em 2013 conversões com a Japonesa Mitsubishi Heavy Industries (MHI) para o desenvolvimento em conjunto de um motor para o Altay, decisão mais tarde revogada.

O Altay foi concebido pelo fabricante Turco Otokar Otomotiv ve Savunma Sanayi com assistência técnica da Hyundai Rotem da Coreia do Sul. A empresa do conglomerado Turco Koç foi contratada em Março de 2007 pela SSM no âmbito do projeto MITUP (Milli Tank Uretim Projesi) para realizar o desenvolvimento do carro de combate e a produção e qualificação de 4 protótipos. Estes receberam o motor MTU Friedrichshafen MT 883 Ka 501 e a transmissão automática Renk HSWL 295.

A SSM deverá contratar nos próximos meses a produção do primeiro lote de carros de combate de serie, esta que deverá ter início em 2016. A produção q poderá a longo prazo ascender às 1000 unidades. No desenvolvimento do Altay participaram ainda as organizações Turcas Roketsan, Aselsan, Makina ve Kimya Endustrisi Kurumu (MKEK) e Savunma Teknolojileri Muhendislik ve Ticaret (STM). Este permitirá substituir progressivamente os atuais carros de combate Leopard 2A4, M60T, M60A3 TTS, Leopard 1T e M48A5. (Victor M.S. Barreira)

( Defensa.com ) 
Fotografia: Protótipo do carro de combate Altay durante uma fase de testes (Victor M.S. Barreira).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]