Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

sábado, 27 de junho de 2015

Militares das Forças Armadas estão sem previsão de reajuste dos soldos

Último aumento concedido pela União aos militares das Forças Armadas foi em 2012, quando foi anunciado reajuste de 30% (Divulgação

COLUNA MILITAR

Alessandra Horto Com Helio Almeida

Os 655 mil militares das Forças Armadas ficaram de fora das negociações do Ministério do Planejamento que tratam sobre reajuste salarial e que já foram apresentadas para o funcionalismo dos poderes Executivo e Judiciário. Segundo a pasta, o grupo não está incluído nos acordos com a Secretaria de Relação de Trabalho. “A definição do reajuste é negociada de forma institucional, dentro do governo, e incluída no Projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)”, informou o Planejamento em nota.

O Ministério da Defesa esclareceu à coluna que a negociação de reajuste dos soldos dos militares será feita em separado. “No momento o governo federal cuida apenas dos servidores civis. E não há índice percentual ou qualquer projeção sobre o assunto”, informou em nota. O último aumento concedido pela União aos militares das Forças Armadas foi em 2012, quando foi anunciado reajuste de 30% nos soldos parcelados de 2013 a 2015.

LASER CONTRA AVIÕES

Desde o dia 1º de junho deste ano até quinta-feira, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) recebeu 41 notificações de usos do laser contra tripulações de aeronaves. Apontar o feixe de luz dificulta a visão dos pilotos em momentos sensíveis do voo, como aproximação e pouso.

PRISÃO DE CINCO ANOS

No Brasil, a brincadeira de mau gosto é crime tipificado no Artigo 261 do Código Penal, que prevê reclusão de dois a cinco anos. O feixe de luz também pode causar cegueira, visão ofuscada e até mesmo lesões mais graves, como queimaduras na retina, que incapacitam o piloto a fazer as manobras com segurança.

Jornal O Dia



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]