Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Boeing patenteia drone que pode voar e mergulhar


Não diga que ninguém lhe avisou se você em breve esbarrar com um drone enquanto estiver tomando banho no mar. A tecnologia está avançando em passo acelerado, e tão logo fomos informados da existência dos robôs chamados drones, já temos também que lidar com seus avanços. Agora, a companhia Boeing patenteou um drone voador que pode também se transformar em um submarino.

Essa nova invenção funcionaria da seguinte maneira: depois de ser lançado por um avião, o drone irá procurar um local para explorar, perder altitude e mergulhar no oceano, se livrando das partes que lhe fazem voar (seja por implosão das partes ou com a utilização de uma cola que dissolva com a água salgada). Depois disso, ele já será um submarino, que irá se mover com propulsores e coletar dados, antes de voltar à superfície e enviar dados para seus donos. Ele poderá ser facilmente localizado, já que irá flutuar no topo das ondas.

Drone


A patente realizada pela Boeing diz que a pequena aeronave também poderá ter maneiras de voltar a voar depois de mergulhar. No entanto, como isso seria possível ainda é um mistério que a empresa não revelou.

Na verdade, até o momento, a única indicativa de que a Boeing irá construir esse tipo dedrone é a patente. O produto final talvez nunca chegue aos olhos do público – ou mesmo seja construído. Caso venha a ser fabricado, ele possivelmente terá intenções militares, sendo utilizado em ocasiões onde o envio de seres humanos pode ser muito perigoso ou caro.

A junção das habilidades de voar e mergulhar em um drone pode ser muito útil, já que o artefato pode escapar de uma variedade de obstáculos, como redes de pescadores e armasanti-aéreas.

De qualquer forma, mesmo se a invenção não sair do papel, a velocidade de inovação desse tipo de tecnologia é surpreendente e nos leva a imaginar o que mais pode estar esperando para ser desenvolvido.




Climatologia Geográfica
IFLScience

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]