Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Finmeccanica mostra força no mercado chave brasileiro, através de helicópteros, segurança e sistemas de bordo

· Helicóptero AW109 GrandNew em exposição, do Governo do Estado de São Paulo

· Mais de 200 helicópteros AgustaWestland operando no Brasil nos mercados de transporte corporativo, parapúblico, utilidade pública e transporte offshore 

· Introduzindo tecnologia estado-da-arte desenhada para ampliar a consciência situacional para segurança e defesa

· Finmeccanica capitaliza sobre as perspectivas de crescimento para melhorar a segurança em todo o país Roma, 11 de Abril de 2016 – A Finmeccanica estará apresentando a experiência da empresa nos setores aeroespacial e de segurança, e sua presença no mercado chave brasileiro esta semana na exposição LAAD Security no Rio de Janeiro, Brasil. Preparada para crescer na região, as divisões da empresa de Helicópteros, Sistemas Espaciais e Aéreos, Eletrônicos de Defesa em Terra e Naval e Segurança e Sistemas de Informação exibirão soluções que melhorem a segurança para uma nação, crescendo seu papel dentro da América do Sul e em todo o mundo. A Finmeccanica irá receber os visitantes em seu estande, tendo recentemente escolhido "Leonardo" para ser o seu novo nome.

Destacando a sua presença no setor de segurança brasileira, estará em exibição um helicóptero AW109 GrandNew do Governo do Estado de São Paulo, entregue em 2015 e usado para realizar patrulhas ambientais e florestais e de vigilância aérea. Finmeccanica tem mais de 200 helicópteros operando no Brasil desempenhando muitas funções incluindo transporte executivo/corporativo parapúblico, utilidade pública e transporte off-shore.The Brazilian market will allow for growth of the recently EASA certified AW169, as well as the AW109 Trekker, for law enforcement and security operations. Well established in Brazil is the AW119Kx, a single engine aircraft recently upgraded with a glass cockpit and advanced avionics adopted by operators seeking a comprehensive range of role equipment. First to adopt the AW139 in South America was the Policia Federal of Brazil, substantially enhancing their operational capabilities.

As oportunidades para a divisão de helicópteros no mercado brasileiro vão permitir o crescimento do AW169 recentemente certificado pela EASA, bem como o AW109 Trekker, para as operações parapúblicas e de segurança. Bem estabelecido no Brasil está o AW119Kx, uma aeronave monoturbina recentemente atualizada com um Glass Cockpit e aviônicos avançados adotados por operadores que procuram uma gama completa de equipamentos. A Polícia Federal do Brasil foi a primeira a adotar o AW139 na América do Sul, melhorando substancialmente as suas capacidades operacionais.


Com presence de mais de 30 anos, Finmeccanica está ajudando a melhorar a segurança de seus clientes brasileiros através do fornecimento de equipamentos eletrônicos de ponta e sistemas para as forças armadas, assegurando a máxima proteção para frotas e tripulações e às agências governamentais para a proteção da infra-estrutura nacional crítica, como portas , aeroportos e instalações de petróleo e gás, e para melhorar a segurança, segurança e eficiência das telecomunicações durante grandes eventos. O exemplo mais recente é a cooperação com CEMADEN (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais - Centre for Monitoring and Warning for Natural Disasters), onde a Finmeccanica provê sistemas de radares de meteorológicos.

Na LAAD Security, a Finmeccanica está orgulhosa de apresentar sistemas de comunicação estado da arte, como o Perseus para redes de comunicação profissional de ponta, bem como o inovador PUMA T4: um rádio móvel que reúne as tecnologias LTE e TETRA em um único dispositivo, e uma mesa tática para ampliação da consciência situacional e da coordenação da força de trabalho na gestão de emergências; no setor naval o NA30S MK2, uma nova geração de sistema de controle de arma também está em exibição, enquanto a superioridade do ISTAR é exibida para apresentar as capacidades inovadoras a bordo (contra medidas UAV, sistemas Mini UAV, sistemas aerotransportados ISR).

Notáveis sistemas fornecidos pela Finmeccanica para as forces armadas do Brasil incluem o SISTAC sistemas tácticos de comunicações para o Exército, um número de sensores navais para as fragatas da Marinha Brasileira e uma ampla variedade de sistemas de bordo avançados que estão em operação em mais da aeronave utilizada pela Força Aérea Brasileira (FAB). Estes incluem o radar Gabbiano para o KC 390, o radar SeaSpray 5000E para o P95 aeronave de patrulha marítima Bandeirante e um conjunto de sensores avançados para o caça de última geração Gripen NG. A suíte do Gripen NG incorpora sensores de estado-da-arte Finmeccanica incluindo o radar Raven ES-05 AESA, o inovador sistema IRST passivo (Infra-Red Search and Track), um sistema IFF última geração (Identification-Friend-or-Foe) e o sistema de auto-protecção BriteCloud.

Para redes de TIC, Finmeccanica garante o desempenho seus clientes, a continuidade e a superioridade de informação, bem como proteger sua infra-estrutura e aplicações através de soluções específicas. A empresa também desenvolve soluções digitais que são inerentemente segura através da identificação, redução e gestão ciber ameaças, vulnerabilidades e riscos. Através deste trabalho, Finmeccanica é capaz de fornecer soluções inovadoras para combater as ameaças virtuais cada vez mais invasivos e estruturada para tecnológica, a informação de uma organização civil ou militar e ativos intelectuais.

Finmeccanica está presente no setor de Espaço no Brasil desde 1997 através de sua subsidiária, Telespazio Brasil. Com sede no Rio de Janeiro e escritórios regionais em São Paulo, Porto Alegre e Cuiabá, a Telespazio Brasil é hoje um dos principais fornecedores do Brasil no setor de telecomunicações por satélite, oferecendo uma ampla gama de soluções de ponta e serviços multimídia para os mercados Corporativo e Governamental.

A empresa também atua no setor de observação da Terra, comercializando os produtos da constelação satélite radar COSMO-Skymed em nome da e-GEOS (uma empresa Telespazio/ASI), especialmente para o monitoramento ambiental, agricultura, defesa e segurança e óleo e gás. A Thales Alenia Space (joint venture entre a Finmeccanica e Thales) é suportada pela Telespazio Brasil nas atividades de instalação e pré-operacionais relacionadas com o Centro de Controle do SGDC (Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas), o satélite do governo brasileiro para aplicações militares e civis, cuja construção foi concedida pela Visiona a Thales Alenia Space, em 2013.


Finmeccanica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]