Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Jubileu de Ouro do Retorno do 16º Contingente do Batalhão Suez

Rio de Janeiro (RJ) – No dia 9 de abril, o 2º Batalhão de Infantaria Motorizado (Escola) – 2º BI Mtz (Es) – realizou as comemorações alusivas ao Jubileu de Ouro do Retorno do 16º Contingente do Batalhão Suez ao Brasil.


O evento foi composto por palestras, inauguração da placa comemorativa aos 50 anos, ofertado pelo contingente ao Batalhão, e formatura com a participação, no desfile, dos ex-integrantes do Batalhão Suez.


Várias autoridades militares da ativa e da reserva estiveram presentes no evento, destacando-se o General de Exército R1 Pedro Luiz de Araújo Braga; o General de Exército R1 Luiz Gonzaga Schroeder Lessa; o General de Divisão R1 Paulo Roberto Yog de Miranda Uchôa; o Comandante da 1ª Divisão de Exército, General de Divisão Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira; o General de Brigada Reformado José Mauro Moreira Cupertino; o Comandante do Grupamento de Unidades Escola – 9ª Brigada de Infantaria Motorizada (GUEs/9ª Bda Inf Mtz), General de Brigada Jorge Antônio Smicelato; além de comandantes de organizações militares e de ex-integrantes do Batalhão Suez.

Palavras do Gen Bda Ref Cupertino, durante a solenidade:


Inspirados pelos acordes dessa Canção, que, há 50 anos, motivava um grupo de jovens soldados a serviço da paz mundial, na Faixa de Gaza, naquela interminável Guerra do Oriente Médio, aqui estamos, hoje, como um “Velho Soldado”, na tentativa de, em singela mensagem, expressar sentimentos desse valoroso Grupo de Gorros Azuis.

Distintos Gorros Azuis do Batalhão Suez, de modo especial, os queridos “Habibes Cinquentenários” aqui presentes, familiares e amigos, enfim, senhoras e senhores!

Que essa singela mensagem, talvez truncada pelas saudades e emoções, neste retorno, depois de 50 anos, lhes leve, do fundo de nossos corações e mentes, sentimentos sinceros e que os traduzimos em três palavras: Homenagem, Culto e Compromisso.

Homenagem

A todos aqueles que ombrearam conosco nas areias do deserto e já não mais se encontram entre nós. Àqueles que, pelos designíos divinos, nos precederam nessa caminhada terrena e, hoje, onde quer que estejam, na mais absoluta comunhão de ideais, encontram-se com a alma pulsando, como se neste pátio estivessem, vibrando e, conosco, envergando esse mesmo uniforme. General Sizeno Sarmento, Comandante da Força de Emergência das Nações Unidas, Coronel Sylvio Christo Miscow, Comandante do Batalhão Suez, oficiais, subtenentes, sargentos, cabos e soldados que já nos deixaram, na satisfação do “Dever Cumprido”, respondam “Presente”! Corneteiro, por favor, enquanto nós refletimos e pensamos neles, dê o “Toque de Silêncio”!

Culto

Aos perenes e imutáveis valores de nossa amada Instituição “Exército Brasileiro”, que perpassam os tempos e as missões e que, hoje, eternizamos na placa ofertada ao nosso imortal “Dois de Ouros”. Na inóspita fronteira da Faixa de Gaza, diante da tempestade de areia, do frio e do Sol escaldante, vigiamos, patrulhamos, exercitando esses valores dia e noite, como bravos guerreiros da Paz. Disciplina, hierarquia, respeito, camaradagem, lealdade, solidariedade, a mais autêntica amizade de irmãos de armas. Esses e outros verdadeiros valores forjaram nosso caráter para o prosseguimento de nossas trajetórias, como soldados e cidadãos amantes, apaixonados pelo nosso Exército, pelo Brasil. E que, acima de tudo, ética e moral que nos acompanharam como apanágio daquela Missão no serviço da tão sonhada paz mundial, prossigam com todos nós.

Compromisso

Perante o soldado de hoje, que tantas conquistas e muito orgulho tem trazido à Nação no momento atual, como a missão no Haiti, nossa homônima hoje, é um, dentre tantos exemplos. Aqui viemos para lhes ofertar, do fundo do coração, tudo aquilo que, com os olhos sempre postos na Missão e na paz, possamos ter produzido, com nossos modestos talentos pelo Brasil e pelas Nações Unidas. Nesse compromisso, lhes deixamos uma “Fé Inquebrantável”: nos destinos de grandeza do Exército e de nossa Pátria, no amanhã melhor para todos vocês que nos sucedem.

E que, daqui a outros 50 anos, possamos, todos nós, de onde estivermos, com esses mesmos valores e essa mesma fé, nos irmanarmos em torno de ideais tão nobres, ainda que com um pequenino grão de areia por um Brasil é um mundo cada vez mais feliz e melhor para as futuras gerações. E assim nesta “Vida Bela” que segue, seremos paradoxalmente eternos com o nosso Exército e o Brasil Acima de Tudo!


2º BI Mtz   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]