Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Centro de Inteligência do Distrito Federal encerra atuação nas Olimpíadas



Mais de 40 servidores da ABIN e de órgãos parceiros integraram a unidade

O Centro de Inteligência Regional do Distrito Federal (CIRDF), coordenado pela ABIN, encerrou suas atividades no último dia 14 de agosto, após 17 dias em operação na segurança dos Jogos Olímpicos.

A unidade foi responsável pela coordenação dos trabalhos de Inteligência na capital federal para as 10 partidas de futebol olímpico disputadas no estádio Nacional Mané Garrincha. A segurança das delegações também foi uma das atribuições centrais do trabalho de Inteligência.

“A operação de segurança em Brasília foi bem-sucedida, sem incidentes graves que comprometessem o evento olímpico. Tivemos esse resultado positivo graças à atuação coordenada dos órgãos de Inteligência, Segurança e Defesa”, afirma o coordenador-geral do centro.

Mais de 40 servidores da ABIN e de órgãos parceiros integraram o centro. Ministério da Defesa, Infraero, Secretaria Nacional de Segurança Pública (MJ), Polícia Federal (MJ) e Secretaria de Segurança Pública e Paz Social/DF foram alguns dos órgãos presentes.

O Centro de Inteligência Nacional (CIN), em Brasília, e o Centro de Inteligência dos Jogos (CIJ), no Rio de Janeiro, continuam em operação até o dia 24 de agosto, após o encerramento do evento.

Agência Brasileira de Inteligência (ABIN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]