Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Raytheon fatura contrato de US$ 600 milhões para fornecer mísseis a país não divulgado



Maior produtor de mísseis guiados do mundo, o conglomerado norte-americano Raytheon faturou um contrato de mais US$ 600 milhões para a modernização do Sistema Integrado de Defesa Aérea e de Míssil Patriot. O nome do País contratante foi mantido em sigilo pela empresa. A Raytheon atualizará o sistema Patriot do país para a configuração mais avançada, que aumenta a capacidade de destruir mísseis balísticos táticos.

Sobre o País contratante, o vice-presidente da companhia, Ralph Acaba, disse apenas que “o cliente enfrenta uma ameaça muito real e em evolução. Ao atualizar o Patriot, eles continuarão a proteger seus civis, militares e infraestrutura crítica”. O cliente é uma das 13 nações que utilizam o sistema de defesa antimísseis Patriot, informou a Raytheon em um comunicado. Raytheon também foi contratada pela Holanda para modernizar os seus sistemas Patriot.

QATAR

downloadOutro contrato conquistado pela empresa, avaliado em US$ 163 milhões, visa o fornecimento de treinamento de defesa aérea e de mísseis para o governo do Qatar. Nos termos do contrato, a Força Aérea do Qatar receberá uma série de treinamentos sobre os sistemas pré-Patriot e Patriot. De acordo com o Departamento de Defesa dos EUA, todo o trabalho para o contrato será realizada no Qatar, e está previsto para ser concluído até abril de 2020.

Sistema de defesa antimísseis Patriot da Raytheon é uma solução de longo alcance projetado para proteger os operadores de mísseis táticos balísticos, mísseis de cruzeiro, aviões inimigos não tripulados e sistemas de aeronaves. A empresa pretende manter o produto em serviço com as forças armadas através de 2048.

Indústria de Defesa & Segurança via Shephard News e Army Technology

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]