Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

MD tem propostas aprovadas em reunião da ONU sobre missões de paz


Brasília, 31/1/2017 – Representantes de vários países estiveram reunidos, entre os dias 16 e 27 deste mês, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, para participar da reunião do Grupo de Trabalho sobre o Manual do Equipamento de Propriedade do Contingente 2017 (Contingent-Owned Equipment Working Group 2017). O encontro é realizado a cada três anos.




O manual aborda temas referentes ao reembolso dos países que contribuem com tropas e equipamentos em Missões de Paz. Para tanto, representantes de várias nações apresentam sugestões que podem ser acatadas ou não.



A comitiva do Ministério da Defesa do Brasil conseguiu aprovar duas propostas encaminhadas: "o detalhamento dos custos associados à utilização de navios em missões de paz", que permitirá a ampla abordagem de negociação antes da celebração de contratos que visem ao emprego de meios navais; e a "inclusão de atendimento fisioterápico para as tropas empregadas em missões de paz", que reduzirá as despesas no nível médico e trará reembolso para esta área não abrangida na sistemática vigente.



”A aprovação das propostas dará amplitude de negociação junto à ONU e, consequentemente, a percepção de maiores valores de reembolso ao Brasil”, ressaltou o coordenador de Operações da Subchefia de Operações de Paz, comandante Ricardo Barillo Cruz.



Atualmente, o Brasil possui relevante atuação em várias Missões da ONU, com destaque para a MINUSTAH (Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti) e a liderança da única Força Naval da ONU no mundo, a UNIFIL (Força Interina das Nações Unidas no Líbano).



Ministério da Defesa

Fotos: MD/ Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]