Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Israel abate alvo nas Colinas de Golã



Militares confirmam ação sem dar detalhes. Imprensa israelense afirma que alvo foi avião não tripulado vindo da Síria. Incidente ocorre após regime de Assad acusar Israel de atacar armazém de armas perto de Damasco.

Após a Síria acusar Israel de atacar uma instalação militar perto de Damasco, a artilharia antiaérea israelense abateu nesta quinta-feira (27/04) um alvo nas Colinas de Golã que se aproximava do norte do país.

"O sistema de defesa antiaérea Patriot interceptou um alvo sobre as Colinas de Golã", disse um porta-voz militar, acrescentando que as autoridades estão investigando o tipo de aeronave envolvida e sua procedência. O exército israelense evitou dar detalhes sobre o incidente.

Porém, segundo a imprensa israelense, o alvo seria um avião não tripulado vindo da Síria. As autoridades estariam verificando se a aeronave abatida seria russa e teria se confundido no trajeto, ou síria.

O incidente aconteceu horas depois de o exército sírio acusar Israel por uma explosão registrada nesta quinta-feira perto do aeroporto de Damasco, no terceiro incidente deste tipo que ocorre em menos de uma semana. O ataque teria atingido um depósito de armas e munições operado pelo grupo xiita libanês Hisbolá, aliado do regime de Bashar al-Assad.

Israel evitou comentar as acusações, em linha com sua habitual postura de não confirmar nem desmentir os ataques dos quais é acusado pela Síria. Desde 2013, o país tem efetuado ataques a alvos sírios e do Hisbolá.

As Colinas de Golã, território sírio que está, em parte, ocupado por Israel desde a Guerra dos Seis Dias de 1967, são palco de tensão desde que se iniciou em 2011 o conflito armado na Síria.

DW - Deutsche Welle

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]