Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

terça-feira, 31 de julho de 2018

O preparo da Mão amiga e o adestramento do Braço forte: conheça o Centro de Instrução de Aviação do Exército


O Centro de Instrução de Aviação do Exército (CIAvEx), sediado na cidade de Taubaté (SP), é uma das unidades que compõem a Aviação do Exército (AvEx), tendo como missão principal formar e especializar os recursos humanos da AvEx e contribuir para a evolução de sua doutrina. Todos os anos, são formados pilotos, gerentes, mecânicos e outras especialidades, tornando-os especialistas em Aviação.



Oficialmente, o CIAvEx foi criado em 26 de setembro de 1991, ativado em 1º de janeiro de 1992 e seu primeiro comandante foi o Coronel de Cavalaria Luiz Cláudio del Rio Chagas do Nascimento.

Como objetivos iniciais, o Centro de Instrução buscou conhecer a demanda de conhecimento de cada área específica relativo à Aviação Militar e, com base nelas, preparar os cursos para que fossem supridas.


Nos primeiros anos, alguns cursos ainda funcionaram na Marinha do Brasil e na Força Aérea Brasileira. Isso permitiu que, em três anos, fossem realizados cinco Cursos de Piloto de Combate, nome dado a um dos cursos de formação de pilotos militares. Aos poucos, o CIAvEx foi se tornando responsável pela condução de alguns cursos. Até que, em 1995, foi realizado o primeiro Curso de Piloto de Aeronaves (CPA) de modo integral no CIAvEx.

Hoje, o CIAvEx ministra anualmente cerca de 15 cursos e 28 estágios em suas dependências, formando, especializando e capacitando cerca de 450 militares do Exército Brasileiro e de outras Forças, durante o ano de instrução, nas diversas especialidades de Aviação.

O Curso de Piloto de Aeronaves é um curso de especialização, integrante da Linha de Ensino Bélico do Exército Brasileiro, que tem como principal objetivo habilitar oficiais subalternos de qualquer Arma, do Quadro de Material Bélico ou do Serviço de Intendência a ocuparem cargos e desempenharem as funções de pilotos de aeronaves da AvEx.

O Curso de Piloto de Combate é um curso de extensão destinado a capitães e tenentes de carreira e tem por objetivo habilitar o piloto do Exército nas missões de combate, apoio ao combate e apoio logístico da Aviação do Exército, exercendo o Comando de frações até o escalão Companhia de Helicópteros. Tem duração de 12 semanas de intensas atividades, durante as quais os oficiais-alunos participam dos seguintes módulos de instrução: navegação tática, maneabilidade de fração de helicópteros, emprego tático da Aviação do Exército e planejamento e execução de Operações Aeromóveis.

Os Cursos de Gerência de Aviação do Exército habilitam os oficiais de Intendência, Material Bélico e Comunicações para o desempenho de cargos e funções ligados ao gerenciamento de aeronaves e sistemas, em particular quanto aos trabalhos de planejamento, coordenação e controle da manutenção de todos os sistemas das aeronaves.

Outro curso de suma importância para a AvEx é o Curso de Formação de Sargentos de Aviação, militares que, após a conclusão do curso, desempenharão missões voltadas para a área de manutenção de aeronaves. Sua formação no CIAvEx tem duração de 11 meses e, ao término do ano de instrução, os alunos são declarados sargentos de Aviação e são classificados nas organizações militares de Aviação sediadas nas cidades de Taubaté (SP), Manaus (AM) e Campo Grande (MS).

Além dos cursos citados, o CIAvEx ainda tem sob sua responsabilidade a condução de vários outros cursos e estágios voltados para a Aviação Militar, como exemplo, podemos citar: Curso de Busca e Salvamento; Curso de Transporte Aéreo, Suprimento e Serviço Especial de Aviação; e Estágio de Operações Aeromóveis.

O CIAvEx possui, ainda, uma Divisão de Simulação, que tem como objetivo principal utilizar a simulação virtual e construtiva como meio auxiliar na formação e no adestramento dos aeronavegantes, disponibilizando aos instruendos os mais altos padrões técnicos em pessoal e material, como por exemplo, a realidade aumentada.

Para as atividades de adestramento e ensino, o CIAvEx conta com as aeronaves HM-1 Pantera e o HA-1 Fennec, sendo os dois modelos de helicópteros originários da França. O Pantera é uma aeronave considerada multimissão, ou seja, capaz de realizar missões de transporte de tropas e materiais, resgates aeromédicos, observação e como plataforma de guerra eletrônica. O Fennec, por sua vez, é uma aeronave considerada de reconhecimento e ataque, capaz de realizar missões aéreas de combate.

Para o Coronel José Carlos Braga de Avellar, antigo Comandante do CIAvEx, “é certo que a missão [do Centro] não se limita à preparação de recursos humanos. O Centro de Instrução de Aviação do Exército também desempenha importante papel na atualização desses recursos, no desenvolvimento de novas técnicas e táticas aplicáveis à Aviação do Exército, além de atuar como braço padronizador do Comando de Aviação do Exército nesse mesmo domínio”.

O Centro de Instrução de Aviação do Exército prepara a “Mão Amiga”, que socorre a população nas calamidades, e adestra o “Braço Forte”, que está pronto para lutar pela defesa da integridade e da soberania do Brasil.

Exército Brasileiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]