Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

segunda-feira, 1 de abril de 2019

Delegação Chinesa conhece atuação de Logística do Ministério da Defesa


Brasília, 01/04/2019 – A Chefia de Logística e Mobilização (CHELOG) do Ministério da Defesa (MD), em um esforço coordenado com a Chefia de Assuntos Estratégicos (CAE), participou, no dia 22 de março, da recepção à Delegação do Departamento de Apoio Logístico do Exército da República Popular da China, chefiada pelo Major General (General de Brigada) LI QingJie e integrada por oficiais Generais e oficiais Superiores daquela Nação Amiga.




A comitiva foi recepcionada pelo General de Exército Laerte de Souza Santos, Chefe de Logística e Mobilização do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas. Na sequência, reuniu-se com o General Douglas Bassoli, da Subchefia de Coordenação Logística e Mobilização e com o Brigadeiro Luiz Cláudio Topan, da Subchefia e Integração Logísitca, para receberem as informações de interesses comuns.

Entre os assuntos abordados, destacaram-se: a formação de recursos humanos para atuação no apoio logístico das Forças e no ambiente conjunto; os mecanismos em uso no Brasil para gerenciamento e controle do apoio logístico conjunto; as práticas de gestão de logística de Defesa; os processos conjuntos para aquisição de equipamentos militares e a integração cívico-militar na execução da logística.

No encerramento da reunião, a CHELOG apresentou à comitiva chinesa uma operação corrente e um caso de sucesso na integração civil-militar: a Operação Acolhida. A partir dos debates, o General LI QingJie compreendeu o nível de integração desenvolvido entre o MD, as Forças Armadas e as diversas agências governamentais e não governamentais em torno do objetivo do Governo Federal, de realizar, de forma ordenada e segura, o acolhimento humanitário aos imigrantes oriundos da Venezuela e sua posterior interiorização.

Com informações da Subchefia de Coordenação Logística e Mobilização

Ministério da Defesa

Um comentário:

  1. Gostei. Ou melhor, adorei essa reunião com os chineses.
    Não entendi dizer que é "uma nação amiga". kkkkk
    Os brasileiros devem estar loucos mesmo.
    Primeiro fazer uma reunião de logística militar com um dos países mais poderosos do mundo na questão militar, e até demográfica, e ainda dizer que é uma nação amiga.
    Isso é demais para a minha cabeça branca, ainda mais por saber que estamos passando por um período delicado na América do Sul, em relação à Venezuela e sabemos que isso nos afeta, até porque temos um Presidente que ainda pensa em corrigir problemas fora do País, esquecendo-se do seu, e nessas idas e vindas, caso aconteça alguma coisa em relação à Venezuela, os chineses, é lógico e ululante, irão prestar ajuda a Venezuela e a amizade com o Brasil, vai pro saco !
    Por que não fizeram a reunião com a Itália, Alemanha, EUA, Finlandia ou com qualquer oputro que não seja de bloco comuno socialista ?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]