Slider

Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira Foto: Ricardo Pereira

segunda-feira, 3 de junho de 2019

Centro Integrado de Segurança Marítima participa do Exercício Multinacional Bell Buoy 2019


A Royal Australian Navy (RAN) sediou, no período de 06 a 17 de maio, o Exercício Multinacional Bell Buoy 2019 (BB19), o qual contou com a participação de 80 militares de 10 países, dos quais Austrália, Brasil, Coreia do Sul, Equador, Estados Unidos da América, Fiji, França, México, Nova Zelândia, Reino Unido, além de organizações internacionais, como a Oil Companies International Marine Forum (OCIMF), e diversos setores da comunidade marítima regional (australiana e neozelandesa).

O Bell Buoy é um exercício anual, regional e multinacional de Maritime Trade Operations (MTO)/ Naval Cooperation and Guidance for Shipping (NCAGS) que visa incrementar a interoperabilidade entre os países-membros do Pacific and Indian Ocean Shipping Working Group (PACIOSWG), dentre os quais o Brasil. O foco do BB19 foi exercitar respostas a diversos cenários relacionados à proteção ao tráfego e comércio marítimos.

A corrente edição consistiu primariamente no exercício de coordenação e execução de ações de equipes enviadas a vários portos da Austrália e Nova Zelândia, com vistas ao desconflito das operações militares com as linhas de comunicações marítimas; além de prover cooperação e orientação ao tráfego marítimo de interesse presente no interior de uma área de alto risco ao tráfego marítimo.

Tal exercício contribui para o acompanhamento da evolução da doutrina NCAGS, praticada, entre outros, pela Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), e em processo de implementação pela MB, assim como para o protagonismo do País no fórum da PACIOSWG, notadamente após a recente assunção da função de Chair, durante o biênio 2019/2020.

Marinha do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[Fechar]